Air Liquide inicia produção de hidrogênio sem carbono na Dinamarca

A Air Liquide inaugurou recentemente, na cidade de Hobro, Dinamarca, a HyBalance, uma unidade piloto para a produção de hidrogênio sem carbono. A instalação utiliza tecnologia de eletrólise e permite equilibrar a rede elétrica e armazenar toda a eletricidade excedente na forma de hidrogênio, que será utilizado na indústria e no transporte. Esse projeto, iniciado em 2016, tem o financiamento da Fuel Cells e da Hydrogen Joint Undertaking (FCH JU), uma parceria público-privada europeia.

Foto: Página Sustentável

A Dinamarca é pioneira na integração de energias renováveis no mix energético nacional, sendo que 40% da eletricidade do país é produzida a partir de turbinas eólicas. Ao compensar a intermitência de energia renovável, o hidrogênio oferece uma solução de armazenar a eletricidade excedente para enfrentar os desafios impostos pela transição energética.

“A energia do hidrogênio possui um potencial extraordinário para apoiar a transição energética. A Air Liquide tem orgulho de fazer parte do projeto HyBalance. Ele também contribui com o compromisso do grupo de desenvolver soluções tecnológicas para reduzir as emissões de gases do efeito estufa, com o objetivo de enfrentar as mudanças climáticas”, disse o vice-presidente sênior, François Darchis.

O eletrolisador instalado na planta, com uma capacidade de 1,2 MW, possibilita a produção de cerca de 500 kg de hidrogênio por dia, sem liberar CO2. Além de ser fornecido para os clientes industriais, o hidrogênio produzido também é utilizado para abastecer a rede de cinco estações de hidrogênio operadas pela Copenhagen Hydrogen Network (CHN), uma subsidiária da Air Liquide na Dinamarca.

Shopping Anália Franco instala sistema de reuso de água
FSC como instrumento para a conservação da biodiversidade
ABB apresenta fábrica neutra em CO2 na Alemanha
Brasil está em 56º lugar no ranking de iniciativas urbanas sustentáveis