Enel cria plano de mobilidade para deslanchar carro elétrico no Brasil

A mobilidade elétrica está se expandindo rapidamente em todo o mundo, com o ritmo de crescimento excedendo todas as expectativas, já que 4 milhões de veículos foram vendidos até hoje. Sinais positivos também surgiram na Itália, com uma aceleração dos registros de plug-ins e veículos totalmente elétricos, que dobraram nos primeiros oito meses de 2018 em comparação com o mesmo período de 2017.

A Enel X continua com a implementação do plano nacional de infraestrutura de carregamento e está lançando novas soluções de cobrança, soluções turn-key modulares e dimensionáveis projetadas para indivíduos, empresas e organizações governamentais. As novas ofertas e o estado de progresso do programa foram apresentados recentementes.

"Nosso desafio é impulsionar a transição energética, com a eletricidade como o principal vetor para alcançar uma descarbonização profunda de todos os setores, em primeiro lugar o transporte. Para implementar nosso plano nacional de infraestrutura de carregamento, já assinamos acordos para cerca de 4.300 estações de recarga com as administrações do governo, bem como com empresas industriais e comerciais, o que nos possibilitará que a implementação de nosso plano nacional de infraestrutura de carregamento prossiga rapidamente para garantir que o carro elétrico se torne um veículo para todos", diz o CEO da Enel, Francesco Starace.

Foto: Página Sustentável 

A Enel empreendeu um plano de cinco anos para a instalação de infraestrutura de recarga na Itália: 14.000 estações até 2022, com um investimento total de até 300 milhões de euros. O plano da Enel prevê uma cobertura abrangente em todas as regiões italianas. É um plano dinâmico e flexível, aberto a todos aqueles (organizações públicas e privadas) que desejam colaborar na expansão da mobilidade elétrica na Itália. Essa vasta rede ajudará a superar o medo de ficar sem energia (a chamada ansiedade de autonomia) e a acelerar a oferta de carros elétricos na Itália, estimulando os fabricantes de automóveis a trazer novos modelos para o mercado.

O plano prevê a instalação de estações de carregamento de 22 kW (Quick), estações de 50 kW (Fast) e mais de 150 kW (Ultrafast). Para implementar o projeto, além das administrações governamentais, estão envolvidos atores do setor privado, propondo a instalação de infraestrutura de cobrança em shopping centers ou chegando a acordos com fabricantes de automóveis. A empresa está buscando acordos para a instalação de mais de 13.000 estações de recarga, das quais cerca de 4.300 estações já foram assinadas. Esses acordos estão permitindo a instalação de 60 a 80 estações por semana. Até o momento, 680 novas estações de recarga foram instaladas sob o plano.

"Os dados sobre o crescimento dos registros de veículos elétricos na Itália são animadores e oferecem enormes oportunidades para as empresas italianas envolvidas. Hoje, estamos apresentando uma gama de serviços e ofertas integradas que atendem às diversas necessidades de mobilidade de todos os nossos clientes e suas necessidades em diferentes momentos do dia. Ainda há muito a ser feito e para efetivamente promover o setor em nosso país, acreditamos que é necessário desenvolver um acordo-quadro entre as regiões e o estado para harmonizar e padronizar as regras municipais e a distribuição de infraestrutura", explica o responsável Global da Enel X, Francesco Venturini.

PROGRAMA EVA +

O Plano Itália também inclui importantes projetos estratégicos que a Enel X está realizando com parceiros europeus, como o projeto EVA +, financiado pela Comunidade Europeia, que prevê a instalação de colunas Fast Recharge ao longo das principais rodovias na Itália, com o objetivo de instalação de 180 estações de recarga até o final de 2018. As primeiras 100 estações foram instaladas e ativadas, permitindo que os usuários carreguem um veículo elétrico em cerca de 20 minutos.

A Enel X também está colaborando com o consórcio Ionity para instalar e operar as primeiras estações ultrarrápidas na Itália, envolvendo 20 locais que receberão até seis estações cada, capazes de carregar totalmente os veículos elétricos atuais e da próxima geração em 15 a 30 minutos.

A Enel X está à procura de RechargePartners: shopping centers, supermercados, academias, restaurantes e hotéis que querem atrair um seleto grupo de clientes que estão particularmente atentos às tendências tecnológicas, como os atuais usuários de carros elétricos. A empresa iniciou um programa de cooperação experimental com os principais operadores, fornecendo instalação e manutenção sem custo, em troca da disponibilidade de suas áreas de estacionamento por oito anos. A partir de janeiro de 2019, a companhia vai estender o programa para todas as atividades comerciais.

A mobilidade elétrica é uma solução para todos os municípios italianos que desejam melhorar a qualidade do ar e seguir o caminho da sustentabilidade ambiental. Por isso, a Enel X apoia escritórios técnicos municipais na identificação das soluções mais adequadas, fornecendo a instalação e manutenção de toda a infraestrutura sem custo. 

ABB apresenta solução de última geração neutra em CO2
Armazenamento Energético em Geração Distribuída
Brasil está em 56º lugar no ranking de iniciativas urbanas sustentáveis
Programa que reciclou mais de 50 milhões de garrafas de vidro ganha escala setorial