Brasil avança na dessalinização de águas subterrâneas

O Programa Água Doce, do Ministério do Meio Ambiente (MMA), recebeu na última quarta-feira (25) o Prêmio Inovação no Semiárido, na sessão de encerramento do Seminário da Associação Latino-Americana de Dessalinização e Reúso de Água (Aladyr), realizado em Fortaleza (CE). Por meio da dessalinização de águas salobras subterrâneas, o programa leva água para 200 mil pessoas em mais de 500 comunidades de 298 municípios do semiárido brasileiro. Atualmente, mantém convênio com todos os estados do Nordeste e com Minas Gerais.

A tecnologia utilizada para a dessalinização de água salobra (osmose reversa) é considerada inovadora e exemplar para o mundo pelo seu baixo custo e benefícios que traz para as comunidades. Em 2017, o programa recebeu prêmio da Associação Internacional de Dessalinização (IDA, na sigla em inglês), durante o Congresso Mundial da instituição realizado em São Paulo-SP.

Confira as principais dúvidas sobre o sistema solar
Calendário 2019
Solvay inaugura fábrica no Brasil e amplia participação na química sustentável
Mudanças do clima estão tornando os incêndios maiores, mais quentes e perigosos