MENU
Em Fortaleza, gás de aterro substitui gás natural

Há mais de dez anos, o Brasil aproveita o gás metano gerado em aterros sanitários para gerar eletricidade. Nesta semana, a empresa Ecometano inaugura seu projeto no aterro de Fortaleza, onde trata o gás captado para injetá-lo na rede de gás natural da cidade e, assim, diminuir a importação de GNL (gás natural liquefeito). A Ecometano opera seu primeiro projeto em Dois Arcos no Rio desde 2014.

O aproveitamento de gás de aterro é considerado carbono neutro e contribui para evitar emissões de carbono da queima do gás natural fóssil.

Fonte: ClimaInfo

http://www.valor.com.br/empresas/5454599/ecometano-comeca-produzir-biogas-de-aterro-no-ceara#