Brasil registra 88% de fontes renováveis na produção de energia

As fontes renováveis seguem com ampla participação na matriz de capacidade instalada de geração de energia elétrica (81,9%) e produção total (87,8%) no país. Entre junho 2017-2018 essas fontes cresceram 7.401 MW, sendo 3.450 MW de geração hidráulica, 2.219 MW de eólica, 1.365 MW de fonte solar, 524 MW de biomassa, e com redução das fontes térmicas a combustíveis fósseis.

De acordo com o Ministério de Minas e Energia (MME), no período de um ano, a geração hidráulica registrou aumento de 3,5% na capacidade instalada, atingindo 102.228 MW. A fonte eólica cresceu 20,7% e corresponde por 12.931 MW. A biomassa teve elevação de 3,7% e soma 14.657 MW. A solar, apesar do volume total menor, cresceu 577% e alcançou 1.602 MW.

Foto: Página Sustentável

A capacidade instalada do total das usinas que utilizam petróleo e carvão foi reduzida neste período em 2,8% e 0,4%, respectivamente. Em comparação com as principais fontes térmicas, a biomassa, matéria orgânica não-fóssil de origem animal ou vegetal, alcançou 9,1% de participação na capacidade instalada de geração em junho, registrando evolução de 3,7%. A fonte segue em constante crescimento e atualmente conta com 561 usinas. Diferentes combustíveis da classe biomassa são utilizados no Brasil para geração de energia elétrica: carvão vegetal, resíduos de madeira, bagaço de cana-de-açúcar, casca de arroz, licor negro, biogás, capim elefante e óleo de palmiste.

Novas unidades geradoras foram registradas em 12 usinas, que significaram expansão de 841,6 MW de geração incorporados ao Sistema Elétrico Brasileiro (SEB). De fonte eólica 201,4 MW e 640,2 MW de  hidráulica em seis estados: Pará, Goiás, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, Bahia e Ceará. Cinco novas linhas de transmissão também entraram em operação no mês, somando 585 km de extensão. Com os novos projetos, o SEB registrou um total de 144.323,8 km de linhas de transmissão.

Votorantim Cimentos aprimora matriz energética com resíduos urbanos
Lixões liberam 6 milhões de toneladas de gases de efeito estufa ao ano
Abetre apresenta cartilha com alternativas para gerenciamento de resíduos
Vendas explosivas da Tesla na Noruega fazem Mercedes viver seu momento Kodak