Primeiro sistema de baterias entra em operação no Brasil

A AES Tietê implantou um banco de baterias de lítio-íon associado à sua hidrelétrica de Bariri, no Rio Tietê. Ainda é um sistema-piloto com capacidade de pouco mais de 160 kW, mas é o primeiro banco de baterias conectado ao Sistema Interligado Nacional (SIN). Julian Nebrada, presidente da AES, disse que "o país tem um dos maiores sistemas de interligação nacional do mundo. É um país continental. Então, o uso de baterias pode colaborar com o fortalecimento do sistema interligado". As baterias serão peças fundamentais no futuro para completar o funcionamento intermitente das eólicas e fotovoltaicas.

https://www.dci.com.br/dci-sp/usina-inicia-armazenamento-de-energia-1.735154

Votorantim Cimentos aprimora matriz energética com resíduos urbanos
Lixões liberam 6 milhões de toneladas de gases de efeito estufa ao ano
Abetre apresenta cartilha com alternativas para gerenciamento de resíduos
Vendas explosivas da Tesla na Noruega fazem Mercedes viver seu momento Kodak