Encontro no Sesc Avenida Paulista discute os caminhos do fotoativismo

Profissionais da fotografia se reúnem no Sesc Avenida Paulista, na próxima quarta-feira (21), a partir das 19h, para o encontro "Fotografia Documental na Contemporaneidade: Meio Ambiente e Fotoativismo". No evento é abordada a questão da preservação da natureza e como a fotografia pode ser uma ferramenta importante, tanto na forma de denúncia e divulgação quanto na forma de registro para futuras gerações. Entre os convidados estão a fotógrafa documentarista Isis Medeiros, o fotógrafo de expedições Luciano Candisani e o fotógrafo colaborador da National Geographic Brasil e colunista de fotografia do jornal El País Victor Moriyama. A atividade é parte da programação integrada da exposição "Gold – Mina de Ouro Serra Pelada", mostra do premiado fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado que foi o maior garimpo a céu aberto do mundo. O encontro tem entrada franca e para participar é necessário retirar ingressos com meia hora de antecedência na central de relacionamento da unidade.

Meio Ambiente e Fotoativismo – foto: Isis Medeiros

MEIO AMBIENTE E FOTOATIVISMO

As mudanças climáticas são reais e precisam ser debatidas com urgência. A floresta amazônica está chegando a níveis irreversíveis de sua condição de reflorestamento. A ação humana movida pela ganância financeira está promovendo graves ataques ao meio ambiente e se faz necessário uma posição urgente, de proteção e conservação, por parte do poder público. Neste processo de violência ao meio ambiente quais as alternativas para frear e reverter os danos causados? Como a fotografia pode ser usada como instrumento de conscientização? Quais iniciativas nos trazem esperança? Quais histórias precisam ser contadas?

OS CONVIDADOS

Isis Medeiros nasceu em Ponte Nova (Minas Gerais), é fotógrafa documentarista, desenvolve projetos autorais no campo da arte contemporânea. Documenta movimentos e organizações de resistência política e grandes manifestações populares. Denuncia em seu trabalho a violência do estado e as violações de direitos humanos. Com particular interesse pela luta das mulheres, realiza trabalhos voltados para o empoderamento feminino. Suas duas novas exposições que estão circulando o país são: "Vale?" e "Mulheres Atingidas: da lama à luta", ambas com a temática sobre as consequências dos desastres da mineração no Brasil.

Luciano Candisani iniciou sua carreira como fotógrafo de expedições científicas, enquanto ainda era estudante de pós-graduação na Instituição de Biociências da Universidade de São Paulo. Sua primeira grande oportunidade profissional foi uma expedição de três meses aos mares congelados da Antártida para documentar a vida marinha sob o gelo em 1996. Desde então, suas atribuições o levaram a alguns dos lugares mais remotos do mundo, como Antártica, Patagônia, Amazônia, Rocas Atoll, Ilhas Darwin e Wof, Ilhas Falkland, Filipinas Danajon Banks, Montanhas Uganda, planícies Serengeti e o recife Mesoamericano. Atualmente, é fotógrafo colaborador da National Geographic e autor de sete livros fotográficos.

Victor Moriyama é um fotógrafo documental brasileiro colaborador da National Geographic Brasil, colunista de fotografia do jornal El País e fundador do projeto Histórias Amazônicas. É colaborador frequente dos jornais The New York Times, Wall Street Journal, El País e Le Monde e da agência Bloomberg. Vencedor em segundo lugar do prêmio POY Latam 2017 com a série LDS nas categorias Os Jovens se expressam e Vídeos Curtos.

GOLD – MINA DE OURO SERRA PELADA

A exposição "Gold – Mina de Ouro Serra Pelada", em cartaz no Sesc Avenida Paulista de 17 de julho a 3 de novembro, traz o registro da década de 1980 feito pelo premiado fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado. As mais de cinquenta fotografias revelam o que foi o maior garimpo a céu aberto do mundo, na região da Amazônia Paraense. O olhar de Salgado, que trabalhou em agências renomadas antes de criar seu próprio escritório, tornou-se referência no universo da fotografia e a exposição inspira o debate sobre os caminhos da fotografia e as possibilidades trazidas pela contemporaneidade. Integrando a programação da mostra, uma série de cursos, oficinas e bate-papos jogam luz sobre o fazer fotográfico e o próprio ofício, revelando as características documentais, ficcionais, artísticas e ativistas que a fotografia possibilita.

SERVIÇO

FOTOGRAFIA DOCUMENTAL NA CONTEMPORANEIDADE: MEIO AMBIENTE E FOTOATIVISMO

Com Isis Medeiros, Luciano Candisani e Victor Moriyama

Classificação: não recomendado para menores de 16 anos

Quando: 21/08

Horário: das 19h às 22h (quarta)

Onde: Arte II (13º andar)

Quanto: Grátis - Entrega de ingressos na Central de Relacionamento com 30 minutos de antecedência.

EXPOSIÇÃO GOLD – MINA DE OURO SERRA PELADA DE SEBASTIÃO SALGADO

Quando: de 17/07 a 03/11

Horário: das 10h às 21h30 (terça a sábado) e das 10h às 18h30 (domingos e feriados)

Local: Arte I (5º andar) – Educativo no 6º andar

Quanto: Grátis – não é necessário retirar ingressos

Classificação: Livre

Agendamento de grupos: agendamento@avenidapaulista.sescsp.org.br

 

Bike Itaú incentiva economia de CO2 na semana da mobilidade
Empreendedores investem em placas fotovoltaicas para reduzir custos com energia elétrica
Veracel usa bagaço de cana como alternativa para gerar energia
Renner utiliza energia solar para abastecimento de lojas